Ortodontia

        O ortodontista trata de prevenir ou corrigir disfunções na posição da arcada dentária e do alinhamento dos dentes e da maxila, seja má-oclusão, desalinhamento, falta de espaço para os dentes, e outros.

Problemas ortodônticos: é possível prevenir?

     O ideal é que seja feito o diagnóstico de problemas ortodônticos o mais cedo possível. Se o desenvolvimento dentário é acompanhado pelo ortodontista, mesmo antes dos dentes permanentes nascerem, as medidas preventivas podem ser muito eficazes e, muitas vezes, evitar tratamentos corretivos mais tarde. Este é o papel da ortodontia preventiva.

         

E se não foi possível acompanhar desde cedo?

         Se as disfunções já atingiram os dentes permanentes, ainda há solução! E quanto mais cedo for feita a avaliação, melhor. A ortodontia corretiva cuida destes casos, utilizando a tecnologia para trazer de volta o correto alinhamento dos dentes e acertar a má-oclusão. Nas crianças, o ideal é fazer os procedimentos ortodônticos entre os 6 e 12 anos, época de maior crescimento ósseo e dos dentes. Mas hoje temos inúmeros tratamentos que podem ser aplicados e o dentista poderá avaliar seu caso e indicar o mais adequado, mesmo que já esteja na fase adulta.

         De qualquer forma, é importante saber que, além de cuidar da estética, os tratamentos ortodônticos previnem outras doenças que, em níveis mais graves, podem causar até mesmo a perda dos dentes.

       Somente o ortodontista poderá avaliar cada caso, a partir de exames específicos. Mas se você tem, por exemplo, problemas de mordida cruzada, mordida aberta, desvio no alinhamento da mandíbula, apinhamento - dentes tortos ou “encavalados”, consulte nossa ortodontista para uma avaliação!

Tel: (11) 2614-7286        

WhatsApp: (11) 94452-5183

E-mail: contato@oralcodontologia.com

Acompanhe nossas redes sociais
  • Instagram
  • Facebook ícone social